GERALDO VANDRÉ

Discografia

1964-1988

Dicionário Cravo Albin2

Geraldo Pedrosa de Araújo Dias

 


Cantor. Compositor.

Dados Artísticos

Em 1955, com o nome de Carlos Dias, apresentou-se num festival promovido pela TV Rio defendendo a composição “Menina”, de Carlos Lyra. Nesse período, conheceu o pianista Paulo Burgos da boate “Tudo Azul”, que funcionava em cima do Hotel Vogue e passou a frequentar toda noite o ambiente das boates. Decidido a ingressar na carreira artística, convenceu a mãe a patrocinar a gravação de um disco onde cantava fazendo imitações de Orlando Silva e Francisco Alves, e que saía mostrando nos lugares que frequentava. Passou a percorrer as rádios para mostrar seu disco e assim conheceu e tornou-se amigo de Valdemar Henrique, que era folclorista e compositor e comandava um programa na Rádio Roquete Pinto. Conheceu também diversos artistas, entre os quais, Ed Lincoln, Luís Eça e Baden Powell. Nessa época, mudou seu nome para Geraldo Vandré, Geraldo, seu primeiro nome e Vandré, abreviação do segundo prenome do pai, por sugestão de Valdemar Henrique e José Vandregísilo, estudiosos de numerologia e que disseram que aquele seria um nome forte e de futuro. Pouco depois, no último ano do curso clássico conheceu um colega baiano que também tinha planos de seguir carreira artística, João Gilberto. Projetaram a formação de uma dupla e seguir para Porto Alegre, onde morariam num apartamento em cima de uma boate. Sua mãe, entretanto, brecou os planos, pois queria que o filho fizesse o exame Vestibular. João Gilberto voltou para a Bahia. Foi aprovado no vestibular e em pouco tempo passou a fazer parte do movimento estudantil, integrando-se ao CPC, Centro Popular de Cultura da UNE, União Nacional dos Estudantes, onde aumentou o laço de amizade que já mantinha com Carlos Lyra, seu primeiro parceiro musical. Nesse período teve aulas de canto. Suas primeiras composições com Carlos Lyra foram “Quem quiser encontrar o amor” e “Aruanda”, gravadas por Lyra. No último ano do curso de Direito, começou a freqüentar uma turma de estudantes em São Paulo, juntamente com Carlos Lyra e Oscar Castro Neves, e que  ficava hospedada numa pensão próxima do Colégio Mackenzie. Na pensão dirigida por Paulo Cotrim, reuniam-se estudantes universitários. Os freqüentadores transferiram-se pouco depois para a Boate João Sebastião Bar, de propriedade de Cotrim. Nesse período fez mais algumas composições. Com Alaíde Costa  criou “Canção do nosso amor” e com Baden Powell, “Nosso amor”, “Fim de tristeza”, “Se a tristeza chegar”, “Rosa flor” e “Samba de mudar”. Em 1962, gravou com a cantora Ana Lúcia a canção “Samba em prelúdio”, de Vinícius de Morais e Baden Powell. No mesmo ano, formou-se em Direito e pôde dedicar-se inteiramente à música.

DISCOGRAFIA

Playlist com 5 álbuns completos de 25 listados, sendo 5 os discos de carreira, 10 compactos e outros 10  divididos entre participação em discos com outros artistas ou   coletânea de sua obra.

REGISTROS

Vídeos de shows, entrevistas, apresentações e etc …

DISCOGRAFIAS: ARMAZÉM MEMÓRIA

 

TUDO GEOPOLÍTICO

Geopolítica é a congruência entre demasiados grupos de estratégias adotadas pelo estado para administrar seu território, e anexar a geografia cotidiana com a história. Desta forma, Geopolítica é um campo de conhecimento multidisciplinar, que não se identifica com uma única disciplina, mas se utiliza principalmente da Teoria Política e da Geologia e Geografia ligado às Ciências Humanas e Ciências Sociais aplicadas. (Wikipédia)