DA MEMÓRIA E DO PATRIMÔNIO CULTURAL GUARANI-KAIOWÁ

CENTRO DE REFERÊNCIA VIRTUAL TEMÁTICO

REDE DE CONTEÚDO

Instituições que compartilham conteúdos
neste Centro de Referência.

APRESENTAÇÃO

Este centro de referência temático é fruto da parceria da Universidade Federal Grande Dourados (UFGD) através do núcleo Saberes Indígenas na Escola com o Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) e demais membros da rede de conteúdos. Tem por foco a reunião e acesso à documentação que evidencie o patrimônio cultural e a memória do povo indígena Guarani-Kaiowá, suas lutas e esperanças.

É em si um ambiente de estímulo ao estudo e pesquisa, voltado primeiramente aos estudantes indígenas e não-indígenas, como também acessível a todos e todas que se dedicam à compreensão da importância da presença dos povos indígenas no Brasil, com sua cultura própria e direitos. Reúne mais de 100 mil páginas de documentos, coleções de interesses e imagens, videoteca com mais de 100 documentários e mapas  para uma compreensão territorial das violências, que são cometidas pela ausência do reconhecimento territorial garantido em lei, que garante a vida plena aos povos indígenas brasileiros.

Bons estudos.

HISTÓRICO DO CENTRO DE REFERÊNCIA

A partir de 2012, com a criação da Comissão Nacional da Verdade (CNV), iniciou-se pelo Armazém Memória um processo de levantamento de arquivos, acervos, fundos e coleções de interesse às investigações sobre graves violações de direitos humanos cometidas entre 1946-1988, com o objetivo de aportar fontes à investigação empreendida pelo Grupo de Trabalho Indígena organizado na CNV. Foram levantados mais de 600 mil páginas de documentos de interesse ao estudo.

A UFGD, através do professor Neimar Machado, propuseram ao IPHAN a construção de um centro de referência temático sobre o povo Guarani-Kaiowá, dada a grave situação de vida desta comunidade indígena em nosso país. Durante o processo de audiências públicas realizadas pela CNV, onde foram realizadas 3 sessões no estado do Mato Grosso do Sul, cujos depoimentos estão disponibilizados na íntegra neste centro de referência, retratam o acerto desta iniciativa.

Ao longo de 2 anos foram reunidas a documentação agora disponibilizada neste portal e mapeada outras fontes, que esperamos em breve venham a se somar ao material já disponibilizado.

 

DOCUMENTOS

   

Atenção: ACERVO MUSEU DO ÍNDIO não está inserido na busca TODO CONTEÚDO, para consultá-lo selecione a opção.

DESTAQUES DO ARMAZÉM MEMÓRIA

COLEÇÕES DE INTERESSE

As Coleções de Interesse sugeridas pelo Armazém Memória e disponibilizadas na internet pelas instituições de guarda, cumprem um papel de suporte à pesquisa para os diversos Centros de Referência Virtual e Acervos Temáticos, pois possuem conteúdos transversais a todos os temas abordados no portal.

A Hemeroteca Digital Brasileira organizada pela Biblioteca Nacional, asCordeltecas reunidas pelo IPHAN e Fundação Casa de Rui Barbosa, bem como a Revista Conjuntura Econômica da FGV, agregam narrativas de fatos registrados na imprensa nacional e regional, na literatura popular em versos e sobre o desenvolvimento econômico do país. As Coleções de Obras Raras e Anais possibilitam acesso aos registros sobre o Brasil antigo, bem como ao conteúdo do acervo de bibliotecas e arquivos públicos publicados em seus anais.

COLEÇÕES DE IMAGENS

O Centro de Referência Virtual disponibiliza as Coleções de Imagens contidas na documentação compartilhada pelas instituições integrantes da Rede de Conteúdo e também exposições.

Iniciamos a publicação das coleções de imagens com a Coleção de Capas do Jornal Porantim (1978-2013), que retratam quase 40 anos de luta por respeito às diferenças culturais e o reconhecimento dos direitos políticos e territoriais dos povos indígenas brasileiros, a publicação das fotografias contidas no Relatório Figueiredo, documento desaparecido por mais de 45 anos e que retrata a violência contra os índios durante os anos 1960 e a mapoteca digital, reunindo mapas históricos disponível em formato digital por várias instituições.

Recomendamos a visita à exposição virtual, resultado do projeto de pesquisa Iconografia Fotográfica dos Povos Indígenas do Brasil de Leonardo Wen, que apresenta o trabalho de vários fotógrafos. Destacamos a exposição de Jesco von Puttkamer, cujo arquivo possui mais de 130 mil fotografias e pode ser consultado no Instituto Goiano de Pré-História e Antropologia – Pontífice Universidade Católica de Goiás (IGPA/PUC Goiás).

VIDEOTECA

POVOS INDÍGENAS NO BRASIL
POVOS INDÍGENAS NO BRASIL

Conhecer para compreender, compreender para respeitar seus direitos originários à sua terra, cultura e diferenças. Documentários sobre os povos indígenas brasileiros reunido pelo projeto Armazém Memória.

Ver catálogo geral no Youtube

MOSTRA CINEMA

MOSTRAS DE CINEMA, FERRAMENTA PEDAGÓGICA DE EDUCAÇÃO PARA A CIDADANIA.

Iniciamos a reunião de mostras de cinema sobre povos indígenas com a mostra Ditadura e os Índios no Brasil, organizada pelo Armazém Memória, que reúne 13 filmes sobre as graves violações de direitos humanos sofridas pelos povos indígenas do Brasil durante a ditadura de 1964-1985. Conforme apurou a Comissão Nacional da Verdade foram eles um dos segmentos mais atingidos pelo arbítrio. A mostra traz fragmentos de uma violência que apesar das denúncias, continuam como um tabú em nossa sociedade. Convide seus parentes, amigos e amigas a assistirem esta mostra e contribua para a justiça de transição compartilhando o acesso a nosso canal.

COMISSÃO NACIONAL DA VERDADE

Sessões de Audiência com povos indígenas do Mato Grosso do Sul

1ª Sessão de Audiência

2ª Sessão de Audiência

A Comissão Nacional da Verdade, através de um grupo de trabalho coordenado pela comissionária Maria Rita Khel, apurou as graves violações de direitos humanos contra os povos indígenas no Brasil. O trabalho atingiu somente 10 povos dos 305 existentes no país e os povos indígenas do Mato Grosso do Sul foram ouvidos em 3 audiências públicas. Ao lado a íntegra dos depoimentos prestados pelos indígenas à CNV. Necessitamos da íntegra da 3ª audiência, quem tiver cópia entrar em contato.

Acesse o Relatório Final da CNV

GEOREFERENCIAMENTO

Assassinatos de indígenas no Brasil (1985-2014)

Suicídios de Indígenas no Brasil (1996-2012)

Leia matéria publicada na revista Ciência Hoje de novembro de 2014


CATÁLOGO DE CENTROS DE REFERÊNCIA VIRTUAL E ACERVOS TEMÁTICOS


CAMPANHAS

Nossas campanhas têm por finalidade ampliar o conteúdo disponível à pesquisa nos Centros de Referência Virtual e Acervos Temáticos. Faça parte deste esforço, adote um conteúdo e colabore para viabilizar sua publicação na internet.