ABRIGO NUCLEAR, 1981, Salvador, BA.

Sinopse: Futuro interior de um abrigo nuclear subterrâneo, construído para preservar o gênero humano da radiação ionizante, responsável pela total contaminação da superfície. Apesar de protegidos, seus habitantes vivem sob o forte regime cibernético-nuclear, controlado pelo comandante Avo e seus seguidores. Inconformados com a autoridade de Avo, a geóloga Lix e um grupo de dissidentes elaboram secretamente o Projeto Alfa, que prevê a volta do ser humano à superfície. Ao constatar a saturação de um depósito de lixo atômico, o operador Lat alerta para o iminente desastre e é destruído em seu posto por Avo, que alega ação alarmista. O Projeto Alfa é então colocado em prática, começando com a revelação do passado a Lat, registrado em um memorizador e assunto vedado pelo sistema. Lat invade o controle de superfície, abandona o abrigo e vai viver na praia, levando o memorizador. Algum tempo depois, o operador Ro vai à superfície e consegue se afastar da área de controle do regime. Encontra Lat, que já contaminado pela radiação, lhe dá o memorizador com as informações sobre o passado. De volta ao abrigo, Ro entrega a Avo um memorizador em branco, indo o verdadeiro parar nas mãos de Lix. Ro é preso e torturado, enquanto as informações do passado entram no vídeo de todo o abrigo. Chefiados por Lix, os dissidentes assumem o controle do lugar, estimulando novas esperanças para o futuro.

Ficha técnica; prd: Ronny Pires e Oscar Santana; pra: Rex Schindler; dir, arg e mtg: Roberto Pires; asd: Guilherme Carneiro; dip e asm: Laura Carneiro; rot: Roberto Pires e Orlando Senna; dif: Roberto Pires e José Soledade; asc: Alonso Rodrigues e Edson Silva; tcs: Onélio Motta; cen: Roberto Pires e Alecy Araújo; mus: Célio Pires e Roger Pires; arj: (música eletrônica): Edu Melo e Souza; col: César Lattes, Unicamp, Campinas, SP; loc: Arembepe, Boca do Rio, Salvador, BA; elt: Ronny Pires; acn: Francisco Alves, Jefferson Correia e Marc Hervé; cpr: Bahia Filmes, Sani Filmes e Embrafilme; dis: Embrafilme; lab: Líder Cinematográfica; ess: Nel-Som; colorido (Eastmancolor), 35mm, 86 min, gen: ficção científica.

Elenco: Norma Bengell, Conceição Senna, Sasso Alano, Bárbara Bittner, Roberto Pires, Ronny Pires, Sandra Valença, Nonato Freire, Leonel Nunes, César Pires, Beltrão, Antonio Fontana, Renato Lavigne, Marco Bahia, Marília Araújo, Maria Teresa Soares, Fred Ribeiro. (fop: d-17)

Fonte: Dicionário de Filmes Brasileiros / Antônio Leão da Silva Neto.